Santo do dia

Nossa Senhora da Conceição Aparecida

12 de Outubro de 2018

A narrativa do Pároco de Guaratinguetá: “Na segunda quinzena de outubro de 1717, passando pela Vila de Guaratinguetá o Governador, o conde de Assumar e Dom Pedro de Almeida, os pescadores foram notificados pela Câmara Municipal para apresentar todo o peixe que pudessem encontrar para o dito Governador.

E principiaram a lançar suas redes no porto de José Correa Leite até o Porto de Itaguaçu, distância bastante, sem tirar peixe algum. E lançando João Alves a sua rede de arrasto neste porto, tirou o corpo da Senhora, sem cabeça; e lançando mais abaixo outra vez a rede, tirou a cabeça da mesma Senhora, não se sabendo nunca quem ali a tivesse lançado.

Guardou o inventor esta imagem seis anos em sua casa, depois mais 9 anos numa outra moradia. Seu filho fez um oratório e em um altar de paus colocou a Senhora, onde todos os sábados se ajuntava a vizinhança a cantar o terço e mais devoções.

Foi edificada uma capelinha e depois uma maior. A 24 de junho de 1888 foi bento solenemente o templo, hoje chamada “basílica velha”. A monumental basílica atual foi consagrada pelo papa João Paulo II no dia 4 de julho de 1980.

A 28 de outubro de 1894, chegaram os primeiros padres e irmãos redentoristas, como padres capelães e missionários de Nossa Senhora Aparecida, vindos da Baviera/Alemanha, a convite pessoal de Dom Joaquim Arcoverde. Os triunfos da “Senhora Aparecida” começaram com as romarias paroquiais e diocesanas. A primeira realizou-se a 8 de setembro de 1900, com 1200 peregrinos vindo de trem, de São Paulo, com seu bispo. Hoje, os romeiros são milhões, vindos de todo o Brasil e do mundo inteiro.

No dia 8 de setembro de 1904, na presença do Núncio Apostólico, o Bispo de São Paulo coroou solenemente a veneranda Imagem com a preciosa coroa oferecida pela Princesa Isabel. Em 31 de maio de 1931, a imagem aparecida foi levada ao Rio. Foi onde Nossa Senhora recebeu as homenagens oficiais de toda a nação, sendo aclamada por todos como “Rainha e Padroeira do Brasil”; estava presente também o Presidente da República, Sr. Getúlio Vargas. Em 1967, Aparecida recebeu a “Rosa de Ouro” enviada pelo papa Paulo VI. Hoje Aparecida está entre os maiores centros de peregrinações do mundo.

Nossa Senhora da Conceição Aparecida, rogai por nós!